Ir para conteúdo
Anúncios

Desabafo sobre a covardia

A maioria acha que suportar as coisas é uma virtude. Eu não quero falar se eles estão certo ou errado, eu quero só falar de mim: eu queria não poder suportar.

Eu queria não poder suportar a hipocrisia que há em mim, que há nos outros e denunciar de maneira mansa, amável, amiga, mas que descontruísse o que foi construído durante anos e que precisa ser derrubado.

Eu queria não poder suportar a maldade e a injustiça a minha volta e lutar contra ela, dando a elas o que elas mais detestam: as suas rivais, bondade e justiça.

Eu queria me manifestar, mas um manifesto que não fosse para o meu orgulho, para demonstrar o quanto sou heróico, mas uma manifestação livre simplesmente por pura incapacidade de ver o que é mal sobressaindo-se sobre o que é bom.

Mas o pior de tudo é que eu suporto. Que eu digo não aguento, mas eu aguento ver as coisas e nada fazer. Eu me incomodo e nada faço.

Eu finjo que não vejo, pois é o caminho mais fácil. Tirar meu corpo e minha reputação do risco, é muito mais confortável para mim.

Assim eu permaneço imóvel, mesmo que minha consciência esteja clamando por uma ação. Assim, eu pratico a pior de todas as maldades: a indiferença. Não suportar certas coisas é uma virtude tão alta, é de uma grandeza de espírito tão enorme, espero um dia alcançar.

A maioria olha a sexualidade e a demoniza como o pior dos pecados, o mais danoso. Talvez porque ainda não tenham se deparado com a covardia, principalmente a sua, assim como eu me deparei hoje.

Dinho Araújo
 andersondesenhodani@outlook.com
dinho-araujo

Anúncios

4 comentários em “Desabafo sobre a covardia Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: