Ir para conteúdo
Anúncios

Tag: poemas e poesias

Sabe né

Sabe né
A vida tem seus dramas
Uma hora você está perfeitamente bom
Segundos depois você se vê necessitado de cuidados

Anúncios

Abraça e volta

Às vezes se envergonha
Outras vezes já vai se exibindo
Sem olhar pra ninguém a volta
Vejo a beleza simplesmente fluindo

Grãozinho

Frutifica
Dá aos seres o que comer
Adoça a vida
Faz a alegria acontecer

Noite

Vem noite de escombros
Vem bela, trazer aos meus ombros
O encontro com o som dos meus antros
Sem medo encarar os meus sonhos
Vou superar cada um dos monstros medonhos

Relaxe

Ficar na própria companhia
sem pressa, com total autonomia
na água, com vento, olhando pras árvores
até que tudo se encaixe, até mesmo os pormenores

Conspiração

Somos autoridade, respondemos por toda espiritualidade,
temos orgulho de nossa linda tradição!
Temos um templo, rituais pra ser de exemplo,
não admitimos ninguém em nossa jurisdição!
Tememos a opinião do povo, nossa reputação é o nosso socorro,
estamos perdendo espaço, precisamos de uma interdição!

Acordo e durmo

Acordo e corro atrás do vento
Sem esperar ninguém
A vida pede do meu tempo
Preciso ser feliz, talvez
Me vejo aprisionado a tudo
Preciso libertar meu mundo e só
Parar de venerar os laços

As idas e vindas da vida

A vida vai e volta, vai e volta
Quase sempre o modo de ir
Carrega os significados da volta
A sabedoria está em saber ir
Na consciência de que a volta
Com certeza trará o seu resultado!

Erro

Rodrigo Campos
Um Caminhante Aprendiz
200×200

Mulher

Na história já tivemos Marias
Cleuzas, Antônias e Josefinas
Famosas que mudaram a história
E anônimas que superaram a condição vexatória
E há outras que tristemente sucumbiram no imundo do mundo
Por causa do caos do interior dos homens, no submundo
A essas, nossa permanente reverência e admiração
Pois diante das mais terríveis dores, são exemplos de vida e superação!

Sol do meu sol

Há um sol por trás do sol
Uma luz, que põe tudo no crisol
Que mede o andar dos seres
Chamando os homens aos saberes

Borboletas

Não há nada mais terrível
Do que ver alguém tão suscetível
A se reduzir e a deixar de cumprir
Aquilo que sua natureza pede, sair!
Voa borboleta! Exiba seu encanto!
Descubra a vida, saia do seu canto

Ser invisível

Pra quê aparecer?
É melhor passar desapercebido
Há mais valor num gesto anônimo
Há mais virtude no ser invisível do que no se promover!

Espera

Calma
Pra que a pressa
A hora chega
Sem atrasos
Sem sobressaltos
Espera
A vida é cíclica

Luto

Como é difícil dizer adeus
Dói na alma, explode no peito
É como carne arrancada à força
É como dente cravado enquanto se sofre
Se despedir é acolher um buraco dentro de si
É receber a saudade, abraçar as lágrimas

Lamento

Lamento não ser tão forte quanto gostaria
Lamento repetir erros que não deveria
Lamento me permitir às vezes desequilibrar
Lamento praticar o mal que não queria realizar
Lamento me ver limitado à minha própria rotina