Sou minha pior religião

Minhas ideias, meus projetos, meus planos de vida e profissionais estão sempre à um passo a frente dos demais. São nobres, idealistas e carregados de uma grandeza e verdade que muitos não estão preparados para entender e aceitar… isso deve explicar tantas discordâncias e o fato deles não estarem preparados para o meu nível de entendimento.

Eu e o meu egoísmo

Parabéns para mim!
Sou capaz de fazer tudo por mim
Corro céus e terras para fazer minhas vontades
Faço empréstimos
Passo o cartão
Faço biquinho
Me finjo de coitadinho
Atraio compassivos
Meu eu se sente uma "estrela"!

Autonomia

Desde pequenos
recebemos de tudo
abraço, carinho, comida na boca
vamos nos acostumando
vamos nos acomodando
Basta chorar e alguém socorre
basta reclamar e alguém preocupado chega

O deus criado pelos homens

Na espiritualidade um fenômeno semelhante acontece: o ser humano cria divindades para satisfazer sua própria vontade! É nesse viés que o comércio da fé acontece: promete-se bênçãos infinitas, faz-se campanhas pela casa própria, apela-se convencendo as pessoas de que deus está ali para servi-las, para trazer o amor perdido de volta, para interromper a crise financeira, para satisfazer os desejos mais vis que elas possam possuir, é claro, sempre tendo o dinheiro como moeda de troca, fazendo barganhas com a divindade.

Quando um pai abandona seus filhos!

Foi abandonada por seu pai quando tinha 6 anos de idade, ficou em cacos. Lidou com esse sentimento por muitos anos; tentou reencontrá-lo, viajou muitos quilômetros para tentar uma reaproximação, infelizmente mais uma vez e lhe deu as costas! Então, ela decidiu se refazer, se reinventar, ir à luta!