Cristão

Ser cristão é ser uma ilha em meio a um mar de gente para nela aprender com Cristo assim como Alexandre, o Grande, aprendeu com Aristóteles na terra de Mésia antes de conquistar o Oriente. Ser cristão é “cultivar a mais linda roseira que há” no terreno do nosso coração. Mas para isso é necessário que esse terreno seja fértil, é necessário humildade, pois pela origem etimológica da palavra, humildade vem da palavra “húmus”, ou seja, o alimento de toda planta para poder florescer. Os espinhos são bem doloridos no início, mas eles não machucam, pois são curativos. Os espinhos causam a dor necessária que toda pessoa deve sentir ao se corrigir, para que a transformação não seja esquecida tão facilmente.

Destruir Mitos para Reacender uma Paixão

Hoje em dia, a moda é a incredulidade. Descrer dos fatos, da história, dos contos, das verdades intrínsecas; descrer da amizade, do amor recíproco, da caridade e da justiça, dos relacionamentos; da política, da economia, da religião etc.; a moda é descrer ao ponto de destruir os valores advindos desses, levando-os a estaca zero, sem ao menos repensar a primazia destes para a sociedade e a vida. ‘Quase sempre’ essa crise de valores sobrecarrega as pessoas e as tonam menos vivas em si e mais manipuladas e subjugadas.