Seja Agora

É, devo ser “certinho” mesmo. E isso não me faz melhor, nem pior que ninguém. Só me faz ser quem devo ser. O melhor pra mim. O que se ganha em fazer mal a alguém? O que se perde em fazer bem ao próximo?