Página 226 a 230

Caminhar em Jesus é uma jornada encantadora! Imagine como foi para os discípulos viverem aqueles 3 anos de proximidade com Jesus. Quantas histórias eles vivenciaram, o quão perplexos seus corações ficaram em determinados momentos, quantas dores e alegrias, crises e alivios receberam durante todo o processo. É barco afundando, doentes clamando por ajuda, religiosos perseguindo para matar, perguntas capiciosas, pecadores pedindo perdão, religião a ser confrontada, misericórida a ser exercida a trilhões de situações, marginalizados a serem notados pelo amor, milagres acontecendo pra todo lado enquanto a mensagem do evangelho era pregada com palavras e ações, o tempo todo.

Essa caminhada é assim até hoje, tem as mesmas características, não tenho dúvidas disso!

E aí? O que achou da leitura dessas páginas desse livro? Deixe seu comentário com suas percepções logo abaixo!

1 comentário

  1. Amém. A Rocha é viva, e não estática. A mesma pedra angular que nos esmaga é o mesmo oleiro que nos pega como pó e nos faz vasos novos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: