Mudanças bruscas podem acontecer em alguns momentos da nossa vida, mas as que tenho buscado ultimamente são aquelas que se instalam pouco a pouco, passo a passo, um dia de cada vez, de grão em grão, lidando a cada momento com a sua própria demanda. Isso tem me conduzido, ainda mais, a valorizar quem está junto comigo no dia-a-dia, sendo parte do processo enquanto ele se dá, estando presente não apenas nos momentos bons, mas igualmente nos difíceis.

2020 foi um ano muito difícil pra todos nós! Pelo menos uma pessoa próxima de nós partiu ou sofreu horrores com a Covid 19, o que diminuiu o ânimo do nosso coração inevitavelmente. Houveram muitos motivos pra chorar e ainda há! Contudo, este ano foi marcado também por algumas coisas boas (pelo menos pra mim): foi nesse ano que desenvolvi ainda mais meus conhecimentos em Filosofia dando aula, me adaptei e ajudei outros a se adaptarem profissionalmente para exercerem o professorado durante a pandemia; descobri, me apaixonei e estudei muito sobre Fotografia, aprendi a paixão pelo ciclismo, rocei muito mato, fizemos muitas coisas em família (o que nos aproximou ainda mais), nasceu a Web Rádio Caminhante Aprendiz e, com ela, muitas amizades; e foi nesse ano que me uni a irmãos de fé desenvolvendo juntos uma comunidade de amor que hoje é chamada de Caminho da Graça estação de Presidente Prudente, dentre outras coisas. Apesar de tudo, a gratidão está presente em meu coração! Até aqui fomos sustentados pela graça de Deus!

Em Jesus, a oração é sempre ao Pai Nosso, não ao Pai Meu. Da mesma forma o pão é nosso, o perdão é nosso e o livramento da tentação é nosso! Quando o “eu” virar “nós” (em nossa oração e ação), aprenderemos o verdadeiro sentido do nascimento de Jesus!

Confesso pra vocês, meus amigos, como tem sido difícil admitir que o Colégio Cooperativo não faz mais parte da minha vida! Há dias que me pego chorando inevitavelmente por causa das boas memórias que construímos ali durante esse ano. Ainda tenho tido sonhos relacionados a isso, ainda dói, ainda me angustia, ainda me afeta, ainda não consegui superar. Queria dizer o contrário, mas essa é a realidade! Queria estar pronto pra seguir em frente, queria poder juntar forças pra me readaptar à vida, mas ainda não consigo. Eu me relacionei profissionalmente com o Colégio como quem vestia a camisa, como quem queria construir uma história longa e feliz ali, amava realizar as minhas funções e me sentia muito realizado. Está difícil, mas uma hora eu hei de superar. Orem por mim. Ainda é uma ferida aberta.

Viva em coerência com a sua consciência e, ao mesmo tempo, esteja aberto a fazer correções sempre que necessário, sem se importar tanto com as expectativas das pessoas. Um dos maiores perigos da vida é atropelarmos os estímulos da verdade dentro de nós e acabar nos perdendo de nós mesmo na jornada.

Quando a gente não está feliz com a vida que leva, quase nada nos satisfaz! Pequenas medidas de frustração se tornam, facilmente, grandes tempestades. Problemas fáceis de se resolver são transformados em dramas com intensidade desproporcional, tudo se torna uma questão de vida ou morte. O exagero vira rotina, a interpretação fantasiosa vira o padrão e o coitadismo a tônica das palavras. A primeira coisa que a felicidade resulta em nós é a paz interior e a vontade de viver em paz com os outros.

Rodrigo Campos
Um Caminhante Aprendiz

Onde você me encontra?
Twitter: @caminhaprendiz
Facebook: /caminhanteaprendiz
Youtube: bit.ly/caminhanteaprendiz
Instagram @caminhanteaprendiz
E-mail: rodrigoaccampos@hotmail.com
Whatsapp: 18-997358253

Ouça a Web Rádio Caminhante Aprendiz através dos links abaixo:

Contribua com a manutenção do Blog e da Web Rádio Caminhante Aprendiz:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: