Na noite de sexta-feira, oramos uns pelos outros enquanto nos conectávamos com as dores de cada pessoa que apresentou o seu pedido de oração. Lembrei, durante a transmissão, que não cultivamos nenhum sentimento de superioridade, como se nossa oração fosse mais importante que a de outras pessoas, pelo contrário, vivemos a experiência da oração na consciência de que somos irmãos orando ao mesmo Pai que está nos céus. Confira:

Parte 1

Parte 2

Rodrigo Campos
Um Caminhante Aprendiz

Onde você me encontra?
Twitter: @caminhaprendiz
Facebook: /caminhanteaprendiz
Youtube: bit.ly/caminhanteaprendiz
Instagram @caminhanteaprendiz
E-mail: rodrigoaccampos@hotmail.com
Whatsapp: 18-997358253

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: