A solidariedade fora dos holofotes, dos anônimos generosos, é que faz toda diferença entre os invisíveis excluídos da sociedade.

É através destes, que nunca aparecem, que o pão tem chegado às mesas e bocas de muitos.

A visibilidade é muito enganosa e traiçoeira e é como um vírus invisível que gera enfermidades no ego humano que destrói mais do que constrói.

Carlos Bregantim
https://www.facebook.com/carlos.bregantim
carlos

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: