Oro para que todos eles sejam um, como eu e o Pai somos um! Esse pedido de Jesus é respondido no instante em que o ser humano, alcançado por Sua graça, se move voluntariamente na direção de outros discípulos, motivado pelo amor, companheirismo, irmandade fraterna e desejo de fortalecer o outro na caminhada. Não é pela via do medo, da coerção, da ameaça do mal, nem da agenda programática de uma instituição religiosa, é pela força do amor.

Ouça o áudio abaixo:

IMG_20180224_075841914

Rodrigo Campos
Um Caminhante Aprendiz

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: