Ir para conteúdo
Anúncios

Pensamentos Aleatórios #62

De que vale ganhar o mundo inteiro e perder a própria alma?
De que vale ganhar as eleições e perder a própria alma?
De que vale ganhar as discussões e perder a própria alma?
De que vale humilhar as opiniões contrárias e perder a própria alma?
De que vale se sentir superior aos outros reduzindo-os ao pó e perder a própria alma?
Nada faz sentido, se nos perdermos no processo.
Nada é tão importante quanto mantermos serena, equilibrada e em amor, a nossa própria alma!

Política, futebol e religião não se discutem, com fanáticos! Com gente equilibrada, de bom senso e minimamente saudável todo diálogo é bem vindo.

É em paz que relações se viabilizam, nunca na guerra!

Ódio é ódio em qualquer lugar. Ódio de esquerda é ódio. Ódio de direita é ódio. Ódio dentro da igreja é ódio. Ódio em ONGs é ódio. Ódio em ‘famílias tradicionais brasileiras’ também é ódio. Ódio contra o inimigo é ódio. Não se deixe vencer pelo mal, mas vença o mal com o bem! Ainda que seu inimigo lhe peça de comer, dê! Interrompa os processos de ódio e de inimizade, seja amigo do bem!

Lembre-se: toda pessoa insegura tende a transferir sua insegurança aos outros; todo odioso busca alimentar o ciclo do ódio por onde passa (ele quer parceiros do ódio); todo revoltado quer que você coloque seus óculos para que você enxergue a vida como eles e se torne um igual; todo fanatizado quer lhe transformar em uma pessoa cega como ele (vista a camisa), se ele não conseguir, você terá se tornado seu inimigo mortal. Cabe a você se deixar ou não influenciar, cabe a você dar ouvidos ou não a loucura, cabe a você entrar na guerra ou ser um pacificador. Cabe a você…

Nosso país está doente. Olhe a energia odiosa dos comentários nas redes sociais, veja as rotulações ofensivas que coloca “eles” contra “nós”, olhe a educação e o respeito sendo substituídos pelo grito, pela imposição e pelo extremismo. É tanto grito, facadas, tiros pra todos os lados, muitos sangrando, muitos feridos, e nessa guerra até os “vitoriosos” são “verdadeiros perdedores”.

O Bolsonaro não é meu candidato (longe disso, bem longe), mas é óbvio que não gostaria que nenhum candidato tivesse sua integridade física prejudicada. Tomara que ele se restabeleça e o criminoso seja julgado.

Dar uma aula não é se manifestar como um ente-papagaio, repetindo informações, isso o Google faz, ou mesmo, basta indicar certos vídeos do Youtube e/ou dar tarefas de leitura de determinados livros, isso ainda está longe de uma “aula bem dada”. Exercer o professorado é inserir o aprendiz dentro de um contexto de reflexões que o estimule a crescer no conhecimento, adquirir senso crítico, ser capaz de gerar novas ideias e aplicar tal evolução ao seu próprio cotidiano de forma prática e que beneficie seu contexto social.

IMG_20180224_075841914

Rodrigo Campos
Um Caminhante Aprendiz

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: