Ir para conteúdo
Anúncios

Pensamentos Aleatórios #60

É mais fácil amar livros (objetos) e animais do que amar seres humanos. Os humanos dão trabalho, estão em constante processo de amadurecimento e nesse processo caem e se levantam muitas vezes, machucam e curam os que estão a sua volta, demandam perdão, novas chances, confiança, paciência e persistência no amor. Animais são adestráveis, livros (como objetos) são estáticos, humanos são dinâmicos, complexos, incompreensíveis muitas vezes e contraditórios. Há quem trate os livros e os animais com mais zelo e carinho do que tratam os humanos a sua volta (sem falar nas redes sociais lotadas de ódio, desrespeito e ofensas gratuitas). Pra mim, nada se compara ao valor intrínseco de cada ser humano!

 A educação é aquela que conscientiza o cidadão em relação às melhores decisões da vida, dando a ele senso crítico, capacidade e disposição de fazer auto-avaliação, além de todo o apoio possível em suas decisões na direção do bem! A educação não elimina a criminalidade, mas no mínimo reduz seu poder de sedução diante das calamidades sociais e das tentações de criar meios justificados pelos fins. A educação também capacita o humano a transpôr seus limites, suas barreiras, seus problemas financeiros, a inovar, a criar soluções inteligentes, dá resistência para lutar contra as intempéries da vida. A educação vem do berço, das autoridades, das escolas, dos maduros, dos responsáveis, cada um tem seu grau de influência na educação daqueles que estão à sua volta. Investir em educação é uma questão de “vida ou morte”, uma questão de sobrevivência!

Eu não sou convencido por gritos, ofensas, rotulações e imposições mas, tão somente por ideias que fazem sentido!

Bom é deitar em paz e acordar, igualmente, em paz!

Precisamos desarmar o coração! Nas interações sociais, muitas vezes já pressupomos que o outro (o estranho, o diferente, o desconhecido) é ameaçador, é um perigo, é doutrinador do mal, é alguém a ser calado, a ser humilhado, a ser vencido. Daí transferimos nossas inseguranças, nosso prumo interior desajustado para comportamentos inerentemente agressivos e hostis. Daí um pequeno copo d’água se transforma em uma grande tempestade, nosso nível de tolerância fica quase zerado e armamos nosso coração esperando a oportunidade de externalizar (por palavras e ações) nossa raiva acumulada. Calma, relaxa um pouco, o outro é antes de tudo seu semelhante, nem tudo está perdido, nem todos querem te prejudicar, apesar de escasso, seres amorosos do bem ainda andam por aí, dê uma chance às pessoas!

Eu sou um sonhador… estou sonhando!

IMG_20180224_075841914

Rodrigo Campos
Um Caminhante Aprendiz

 

Anúncios

4 comentários em “Pensamentos Aleatórios #60 Deixe um comentário

  1. Avante mano querido, a obra de semear está sendo feita, sou feliz por conhecer vc e tantos outros na caminhada, isso nos dá um alívio perante tanta tristeza e destemperos que a vida tem imposto através de seres que não se deixam desabrochar em amor!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: