Em geral, colegas e parentes só participam da nossa vida quando há uma festa de aniversário, em casamento, formatura, quando se trombam na rua, quando o acaso os une ou qualquer situação realmente vantajosa os impele a se aproximar.

Não é assim com amigos e irmãos de caminhada. Esses notam a importância do outro em suas vidas e expressam isso de alguma forma, estão interessados em sua felicidade, estão presentes inclusive quando tudo vai mal, quando o pior do outro fica evidente. Amigos nunca deixam de ser amigos, pois o amor que os une supera as fases da vida, as diferenças e as crises próprias de cada estação.

A relação parental e do coleguismo geralmente é muito superficial, já a do amigo e do irmão de alma é profunda e visceral!

É tempo de cultivar irmandades e verdadeiras amizades!

Rodrigo Campos
Um Caminhante Aprendiz
200x200

Escrito por Rodrigo Campos

Um caminhante que está disposto a aprender com os erros e acertos, refletindo quais são as verdadeiras importâncias da vida e sua essência!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: