Tendência

A tendência de quem sofreu severas imposições na direção do “compromisso” é que, uma vez livre daquele julgo, se torne declaradamente um promotor do “não compromisso”.

A tendência de quem recebeu ameaças acerca do inferno e passou anos mergulhado no medo e na culpa é que, uma vez livre dos ameaçadores, se torne um “anti-inferno” (cético em relação a realidade do inferno) por onde passa.

A tendência de quem passou décadas oferecendo dinheiro por causa das falsas promessas de milagres e proteção divina é que, uma vez que escapa das mãos do verdadeiro devorador (o maldoso em questão), se torne um “anti-autoridade”, “anti-oferta” e um “anti-qualquer-coisa-que-lembre-da-ferida-do-passado”.

Essa é a tendência…

Felizes os que depois de libertos, encontram O CAMINHO.

Felizes os que não se pautam pelas feridas abertas que possui para tentar justificar suas maldades disfarçadas de “descobri a verdade”.

Felizes os que saem de uma gaiola e não entram em outra. O evangelho sempre será o evangelho, independentemente das atrocidades que são feitas “em nome do evangelho”.

Rodrigo Campos
Um Caminhante Aprendiz
200x200


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s