Pensamentos Aleatórios #28

O tradicionalismo nos é muito atraente, afinal de contas ele é avesso a mudanças, ele estigmatiza formatos e modos de fazer as coisas, ele nos sepulta no pensamento de que “sempre fizemos assim e assim permaneceremos”, ele nos faz ter medo de construir novas coisas e de sair do controle. E cá pra nós, o controle é uma das nossas maiores taras!

Eu sou aquilo que carrego no coração. Quando acordo e começo a interagir com as pessoas, com as demandas, com a vida, é o que carrego dentro de mim que determinará o rumo da minha história, é o que será decisivo na construção da minha identidade e caráter. Como está escrito no provérbio: do coração emanam as fontes da vida!

Quando nosso coração está pacificado e nossa mente silenciosamente descansada no amor de Deus, nós prestamos mais atenção aos detalhes da vida, os sons da natureza ganham espaço na trilha sonora da existência, as pessoas que passam por nós são tratadas individualmente em seu valor próprio e não são tratadas como “mais um” em meio a tantos, a nossa sensibilidade fica aguçada para reconhecer Deus em todos os nossos caminhos. Já quando nosso coração está tomado de preocupações, medos, inseguranças, nossa mente fica barulhenta, o mundo e as demandas da vida se manifestam como ondas fortíssimas diante de um barco a deriva.

Jesus não é um lugar, não é uma estaca fixa, não é um ponto estático, Jesus é caminho, é estrada, é movimento, é um jeito de viver, é uma direção, é uma jornada, é uma viagem.

Se deixassem a gente escolher nós só iríamos na direção daquilo que é saboroso, confortável, prazeroso e que exige o mínimo de nós. O resultado disso seria nossa eterna infantilização e estagnação quanto ao desenvolvimento como seres humanos. Que bom que não é feita apenas a nossa vontade, essa é a nossa salvação!

Fiz um acordo com minha mente: interromper os fluxos automáticos de pensamentos (piloto automático), não lotá-la de informações desnecessárias e excedentes, parar de focar no passado ou no futuro ignorando o presente, exercitar mais a memória e não depender tanto de equipamentos para esse fim, aguçar minhas percepções da vida enquanto vivo como um caminhante aprendiz!

Rodrigo Campos
Um Caminhante Aprendiz
200x200

 


2 comentários sobre “Pensamentos Aleatórios #28

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s