Desejo

Que manhã bela,
como é bom sentir o sol,
sentir a brisa tranquila que me envolve como um lençol.
Como é bom acordar
e ouvir os pássaros cantar,
contemplo essa riqueza
apesar de não enxergar.
Eu queria morar
num belo lugar
onde facilmente pudesse encontrar
águas limpas e frias
nas quais todos os dias
eu pudesse mergulhar.
Queria habitar
num lugar
de puro ar,
verdejante,
cheio de frutas puras
das quais pudesse desfrutar
sempre que desejar,
onde eu vivesse
num contato com a natureza,
usufruindo essa riqueza a todo instante.
Mesmo sem enxergar,
eu queria esse lugar,
viver sob o calor do sol,
acordar com os bichos a barulhar,
sentir o puro vento,
abraçando meu amor
sem me preocupar com o tempo,
sabendo que só a lua
está a nos olhar.
Com um verdadeiro amor
quero viver,
em contato com a natureza,
nos desfrutando um ao outro
sob esse sagrado conforto,
gratos por tanta riqueza.
Mas vivo numa cidade,
chamam selva de pedra,
mas não abandono o sonho
de viver numa melhor harmonia com a terra,
por isso fico aqui,
desejando respirar
o puro ar da natureza,
talvez antes do meu fim aqui,
dando essa dádiva a mim,
Deus permite e esse dia chega.
Saudades tenho dos tempos de criança,
onde na natureza inda pude viver,
tomara que antes da morte
eu receba outra vez a sorte
de isso novamente ter.

William Melo
https://www.facebook.com/wmelo.goldstein
William Melo


2 comentários sobre “Desejo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s