A bela rola
suave e dengosa
ao rés do tapete.

Redonda e cheirosa,
ao toque do amante,
dorme na rede.

No verde verde
rola rebola
ao toque,
a bola…

Itamar Rabelo
itamarovski@gmail.com
itamar rabelo

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: