Ir para conteúdo
Anúncios

Entre a Justiça e a Vingança

Vamos malhar Judas?

Judas Iscariotes já é bem conhecido. A personalidade, então… nem se fala. É de costume apelidarmos traidores por esse nome. É rotineiro tal nome estar inserido em brincadeiras onde a essência da conversa evoca traições e mentiras. Enfim, Judas é visto com um desgraçado mesmo.

Já faz mais de 2 mil anos e , incessantemente, ele continua apanhando e sendo mal falado.

Alguns me falariam:

Ah, mas ele traiu Jesus!

Eu sei…

Mas por que toda essa obsessão em Judas, sendo q vocês não acreditam em nenhuma palavra de Jesus?!

Jesus é motivo de risos e “vergonha alheia” à vocês!

Então , porque toda essa fixação em alguém que traiu outro alguém?

Isso não é meio q normal em nosso mundo?!

A minha reflexão é sobre julgamento… te convido à mergulhar para dentro e voltar +- 2 mil anos. É uma viagem da alma/pensamento. É uma viagem que possibilitará a visualização do autoengano que nos faz descarregar tanta energia em julgamentos que, geralmente, são potencializados pelas “etiquetas morais” dos grupos sociais em q estamos inseridos. Sim, grupos. Pois, sozinho você não tem nem a coragem de opinar. Seu bundão! Você se disfarça na polifonia social. Você se esconde atrás de bandeiras que pensa concordar e estar assegurado. Você esnoba os des-agrupados e diferentes. Você se ri deles. Você julga os atos imorais e amorais, porém, seu julgamento é voz de sentença. Você mata o outro através das suas palavras. Palavras que são imantadas por todos os ódios e mágoas que têm fabricação nos abismos do seu coração! Você liquefez tanto sua alma e essência, que consegue ser mais escorregadio que uma pré-diarréia com toda ânsia de sair!

Gente, nós não somos assim?
É claro q somos. Nós julgamos e julgamos e julgamos…

O contexto é o seguinte:

Marcos, capítulo 14…

Jesus estava em Betânia, especificamente na casa de Simão(leproso) , trocando uma ideia com a galera que ali se encontrava. Pois bem, uma mulher se achegou e ,quebrando um alabastro( uma espécie de vaso), derramou sobre a cabeça de Jesus um bálsamo de odor sem igual. Caríssimo, por sinal. Discípulos e alguns q estavam por ali, indignaram-se. O pensamento coletivo deve ter sido:

Porque essa retardada me jogou na cabeça Dele um líquido tão caro? Que desperdício! Poderíamos ter vendido e dado a grana para os miseráveis por ae! Judas estava inserido no grupo que estava julgando. Assim como eu e você, provavelmente, estaríamos.

Mas Jesus é tão diferentemente consciente e adulto, que não se escandaliza e nem se preocupa com o “grande valor” do q ali foi desperdiçado. Ele se concentra no ato humano e de amor praticado por uma mulherzinha quando recebe visita em sua casa.

Mas, como eu disse, Judas estava ali. Sem entrar no mérito da intelectualidade de Judas. Ele tinha por acompanhamento de nome, Iscariotes. Mas, esse não era o seu sobrenome. Apenas fazia referência aos “cabeças pensantes”, cultos, inteligentes, astutos, vindos de uma região chamada Queriote, uma cidade do Sul da Judeia (parte montanhosa do Sul da Palestina). Judas era um dos “pica” do povo Judeu. Provavelmente era conhecido de Barrabás, pois, lutavam pela subversão dos poderes do império romano em pró dos religiosos judaicos.

Continuando… Judas, ao analisar o ato da mulher e, sobretudo, a reação de Jesus, ficou puto. Puto pelo fato de se perder a oportunidade de “fazer dinheiro “. O interessante é q o Evangelho de Marcos segue dizendo que após essa situação, Judas decide entregar Jesus. Vocês diriam:

Tadinho de Jesus, foi traído por um capitalista religioso!

Como se Jesus não soubesse de todos os “trâmites” das brincadeirinhas dos adultinhos com seus dinheirinhos que se reúnem ocultamente para planejar e atacar…

Por favor, parem!

Ele é o Verbo que se fez carne! Ele é a luz que ilumina a todo homem! O princípio e o fim (alfa e ômega)!

Antes mesmo de criar o mundo, Ele já tinha se sacrificado em nome de todos, inclusive dos desgraçados que iriam traí-lo!

A questão aqui não é saber sobre as perversidades que estão planejando

A pegada de Jesus é outra

Você percebeu que Jesus nunca ousou proferir alguma sentença sobre o Judas ser humano?! E não porque ele não podia, mas, porque ele estava nos ensinando que o fato de lidar com alguém de mau caráter não poderia ter influência sobre o nosso próprio caráter. Pois, a partir do momento que me utilizo de um arsenal de julgamentos, me torno um diabo mais diabo que o diabo. Jesus ataca a má índole e não o ser humano errante. Jesus detona com a prática perversa e não com ser humano q se deixou habitar pela perversão. Ao contrário de você, Jesus sabe separar as coisas.

E ainda… quando Judas chegou com os Romanos no Jardim do Getsêmani para dar o famoso beijo e indicar quem era o cara que deveriam prender, Jesus disse :

Amigo, para que viste?

Meu, caramba, vocês ouviram(leram) isso?

AMIGO, para que vieste?

Gente… é Deus dando oportunidade até nas últimas oportunidades das oportunidades… é Deus se fazendo de trouxa para salvar a alma
Humana. É Deus insistindo em resgatar o Judas humano e não a personalidade possuída por ambição e dinheiro chamada de Judas Iscariotes.

É bem sabido que Satanás estava em Judas. Claro, o diabo mora na porta da oportunidade, tão só e somente. Ele só catalisa suas intenções se aí dentro houver portais inclinados à maldade. Foi a união do útil com o agradável. Ambição capitalista + possessão! E olha q Jesus já tinha avisado q ou você serve a Deus ou ao dinheiro, os dois não rola.

Imaginem a cena…

Judas com toda sua ambição capitalista, mas ainda assim o ser humano Judas, chegando para beijar Jesus …

Junto com Judas, satanás. Satanás no pseudo controle, quietinho e sutil, lá nos portais do Ades do coração de Judas.

E Judas vai se aproximando, logo, Jesus simplesmente diz:

Amigo, para que vieste?

Jesus buscava o arrependimento do seu amado discípulo. Sim, arrependimento nos últimos segundos… hahahha

Satanás deveria estar batendo os dentes lá dentro e falando:

Não recua, não recua, não recua! Bja e toca o foda-se! Não escuta Ele! Não escuta! Por favor! Eu imploro para não se arrepender! Pense nas pingas putas e foguetes! Eu imploro!

E Judas cedeu ao diabo chorão…

Assim como nós cedemos à todo instante, julgando e culpando as vidas errantes!

Mas eu tenho algo para te dizer…

Judas não aguentou nem uma noite com todo aquele “peso” na consciência de ter traído um amigo…

Ele se desfez das posses materiais e foi se matar logo em seguida…

Tentou se enforcar e não planejou bem nem o enforcamento! Caiu do penhasco e se arrebentou… leiam as verdadeiras palavras da Bíblia:

“caindo de cabeça para baixo, arrebentou pelo meio e derramando-se todas as suas entranhas” (Atos 1,18)

Vocês podem achar isso horrível! Mas essas palavras me soam muito belas! É toda visceralidade de alguém que não suporta ir dormir com o coração contaminado com toda carga de uma traição…

Então, não julgue e nem malhe esse Judas!

Quantas vezes você já dormiu com a alma penetrada por toda traição e ainda sem se desfazer das posses obtidas através delas?!

Quem é o Judas? É você ou o Judas?

Quantos dos seus julgamentos justos são vinganças travestidas?

E o diabo , todos os dias, implora pelo seu não arrependimento! Implora para q não enxergue! Implora para que não escute Jesus!

E você acata…

Todos os dias você beija Jesus como quem diz:

Eu sei q está aí, mas, consigo me virar sozinho!

A sua obsessão em julgar e malhar todos os Judas que encontra pelo caminho , só é evidência do seu auto-engano que enxerga no outro o mesmo defeito que existe em você. Mas, é muito mais fácil transferir a culpa para um. Quanto mais você transfere a culpa aos miseráveis idiotados, mais download de satanás se internaliza em você. Quanto mais você e seus amiguinhos bobinhos escarnecem os errantes, mais o software diabólico-cultural é atualizado .

A juventude na qual estamos inseridos está possuída, “em massa”, pela presunção da autoridade de se julgar , pelo simples e bobo fato de se pertencer à um grupinho de elite social, reconhecido e aplaudido pelas garotas gostosas, enquanto seus corações vão se esvaziando da essência humana mais linda: o amor que entrega à Deus o juízo dos idiotas!

E agora eu te pergunto:

Amigo, a que vieste?

Marcelo Bark
marcelobark@yahoo.com.br
marcelo-bark

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: