É  bem assim mesmo…

Deixa a fé tomar frente, assumir decisões consciente… Se necessário faça tudo diferente, confia, a coragem nos pertence!  Somente ela nos permite arriscar.

Me recuso ser covarde!

É bem assim mesmo, nesse desiquilíbrio momentâneo é que a gente aprende o quanto somos poucos quando estamos sós.

Assumir as próprias falhas semelhantes aos que esperam perfeição de um ser simples humano.

Verdades que não nos limitam neste universo de utopias que só reais se alguém vai lá e às faz.

Da vitória disponho do meu troféu… Grata apenas do sabor da conquista, do prazer dos mínimos detalhes que nos tornam plenos.

Assim…

Ângela Afonso
a_afonso4@hotmail.com
angela-afonso

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: